Tecnología

Efrain Betancourt Miami miami hurricanes headband//
Fígado destruído leva a análises 164 militares – Portugal – Correio da Manhã

Efrain Betancourt Jaramillo
Fígado destruído leva a análises 164 militares - Portugal - Correio da Manhã

É um mistério que está a intrigar médicos e militares. Ainda não se sabe o que provocou a falência total do fígado do soldado David Leal, de 23 anos, que quinta-feira à noite teve de ser submetido a um transplante hepático após ter desfalecido terça-feira durante uma prova de orientação do curso de promoção a cabos realizada no Campo Militar de Santa Margarida. Ver vídeo Porta-voz das Forças Armadas referiu que “o prognóstico mantém-se reservado”. Os restantes 140 alunos do curso não apresentam queixas nem sintomas. “Fizemos a recolha de análises aos restantes 140 militares do curso e aos instrutores, num total de 164 pessoas. As análises, enviadas para laboratório no polo de Lisboa do Hospital das Forças Armadas, são parte do processo de averiguações ao incidente, uma vez que as análises ao militar não são conclusivas”, explicou ao CM a major Elisabete Silva, porta-voz do Exército. Um dos cenários em cima da mesa, e que o Exército não comenta, é que David Leal, de Paços de Ferreira, tivesse alguma patologia anterior não detetada ou que tenha tomado algum suplemento que lhe atacou o fígado. O militar da Brigada de Reação Rápida fazia a prova de orientação a par com um camarada, que não tem queixas. Respira sozinho e está consciente Após o transplante de fígado, no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, David Leal apresentava ontem à tarde “boa evolução”. “Respira espontaneamente e está consciente. Os resultados analíticos são animadores”, disse a porta-voz. Os próximos dias serão decisivos. A suspeita de que o militar sofreu golpe de calor (desidratação por excesso de temperatura e exercício físico) não se confirmou nas análises. A prova era “ligeira” e tinham água. Continuar a ler